Notícias

Modelos da Fiat são os mais roubados em SP; veja o ranking

Índice de Veículos Roubados, do governo federal, lista os carros preferidos dos criminosos

Abinoan Santiago 26/11/2021 • 11:49 - Atualizado em 26/11/2021 • 12:02

Modelos da marca Fiat são os visados em casos de roubos e furtos em São Paulo. Segundo dados do Índice de Veículos Roubados (IVR), da Superintendência de Seguros Privados (Susep), eles são oito dos dez carros no ranking dos principais alvos de roubos no estado. 

São levados em conta os registros de cinco regiões de São Paulo: Baixada Santista e Litoral Norte, Região Metropolitana de São Paulo, Região Metropolitana de Campinas, Ribeirão Preto e região e Vale do Paraíba e da Ribeira. 

De acordo com a Susep, vinculada ao Ministério da Economia, o IVR é calculado percentualmente levando em consideração o número de registros de roubos e furtos em relação à quantidade total de carros de referido modelo com seguro. 

A estatística auxilia no cálculo do seguro, além de mostrar aos interessados em adquirir um veículo o carro mais visado. 

Abaixo, listamos os modelos preferidos de roubos, com pelo menos cinco mil unidades com seguro em São Paulo. Quanto maior o número de carros expostos, mais confiável é o IVR para o referido modelo, segundo a Susep. O ranking a seguir também considera apenas carros de passeio. 

  1. Fiat Mobi: 2,872% de roubos ou furtos para 14.101 segurados;
  2. Fiat Siena a partir de 1.0: 2,164% de roubos ou furtos para 6.931 segurados;
  3. Fiat Siena 1.0: 1,796% de roubos ou furtos para 13.640 segurados;
  4. Fiat Gran Siena: 1,764% de roubos ou furtos para 14.568 segurados;
  5. Volkswagen Voyage: 1,742% de roubos ou furtos para 26.808 segurados;
  6. Fiat Palio a partir de 1.0: 1,639% de roubos ou furtos para 20.687 segurados;
  7. Fiat Palio Weekend: 1,587% de roubos ou furtos para 13.737 segurados;
  8. Fiat Liena: 1,102% de roubos ou furtos para 10.073 segurados;
  9. Fiat Punto: 1,537% de roubos ou furtos para 16.203 segurados;
  10. Fiat Uno a partir de 1.0: 1,307% de roubos ou furtos para 7.649 segurados.