Band Rio

20 construções irregulares são demolidas em Jacarepaguá

Quiosques, lava-jatos, trailers e estruturas de alvenaria foram erguidos em área pública

Ana Clara Galante* 18/05/2022 • 19:04 - Atualizado em 19/05/2022 • 15:37
As construções foram erguidas sem nenhuma autorização do governo municipal.
As construções foram erguidas sem nenhuma autorização do governo municipal.
Divulgação/SEOP

Vinte construções irregulares foram demolidas nesta quarta-feira (18) na Colônia Juliano Moreira, localizada em Jacarepaguá, na Zona Oeste do Rio.

A operação, promovida pela Subprefeitura de Jacarepaguá e a Secretaria de Ordem Pública (SEOP), derrubou quiosques, lava-jatos, boxes, trailers e estruturas de alvenaria construídos sem autorização do governo municipal. Segundo a Prefeitura, todos foram notificados antes da ação.

O secretário de Ordem Pública do Rio, Brenno Carnevalle, afirmou que ideia é combater o crime organizado, que tem influência nessa região.

“O grande foco dessas ações é preservar a vida dessas pessoas, impedir o crescimento desordenado da cidade e também asfixiar o crime organizado e suas finanças”, contou ele.

A Secretaria de Conservação, Guarda Municipal, a Rio Luz, Light, Igual, Comlurb e a Polícia Militar deram apoio à operação.

A SEOP informou que, desde o início do ano, realizou mais de 300 demolições na cidade.

*Estagiária sob supervisão de Natashi Franco