Band Vale

Polícia investiga casos de estupro de vulnerável em escola municipal de Canas

Prefeitura afastou professor suspeito até a conclusão das investigações

Matheus Agostinho 13/05/2022 • 15:06 - Atualizado em 13/05/2022 • 16:15
Polícia investiga casos de estupro de vulnerável em escola municipal de Canas
Polícia investiga casos de estupro de vulnerável em escola municipal de Canas
Divulgação/ Prefeitura de Canas

A Polícia Civil investiga um professor acusado por estupro de vulnerável contra quatro crianças na Escola Municipal Profª Alice Vilela Galvão, na cidade de Canas. Os casos foram denunciados na última quarta-feira (11).

De acordo com a Polícia Civil, um grupo de mães foi até a delegacia da cidade e registrou um boletim de ocorrência contra o Professor. No boletim, foi informado que quatro crianças relataram os fatos para suas mães, que decidiram acionar as autoridades.

O caso foi registrado como estupro de vulnerável e segue sendo investigado em sigilo pela Polícia Civil da cidade. As crianças envolvidas no caso vão passar por exame de corpo delito.

O que diz a Prefeitura

Em nota, a Prefeitura afirmou que por ser tratar de um assunto delicado, que envolve muitas pessoas,  uma averiguação cuidadosa e minuciosa dos fatos está sendo realizada, a fim de buscarmos uma solução. 

Assim que a Unidade Escolar, em questão, tomou conhecimento dos fatos, o professor foi afastado de suas funções. A Prefeitura ainda afirmou que o caso foi encaminhado para abertura de sindicância administrativa e precisam aguardar a apuração dos fatos.

O que diz a SSP

Em nota, a SSP (Secretaria de Segurança Pública) informou que o caso foi registrado como ameaça e estupro de vulnerável na Delegacia de Canas, onde é investigado. Diligências estão em andamento para o esclarecimento dos fatos e detalhes serão preservados em função da natureza da ocorrência.