Masterchef

Ordem de reintegração de posse desabriga 40 pessoas no Catete

Ryan Lobo 15/10/2020 • 19:25 - Atualizado em 15/10/2020 • 19:25

Cerca de 40 pessoas foram despejadas de um hostel abandonado no Catete, na Zona Sul do Rio. A ordem de reintegração de posse foi cumprida nesta quinta-feira (15) por oficiais da Justiça, mesmo sem a presença do Conselho Tutelar.

De acordo com o Núcleo de Assessoria Jurídica Popular Universitária da UFRJ, as 11 famílias, com cerca de 20 crianças, moravam no imóvel, localizado na Travessa Carlos de Sá, desde o início da pandemia da Covid-19, quando o prédio foi abandonado.

Para a integrante da Comissão de Direitos Humanos da Ordem dos Advogados do Brasil no Rio, Ludimila Cindra, a decisão contraria a legislação atual que suspende mandatos de reintegração de posse e despejo durante o período de calamidade pública.

Após o despejo, as pessoas que estavam no imóvel abandonado voltaram a morar nas ruas.

Procurada, a Prefeitura do Rio afirma que vai oferecer acolhimento a essas famílias e ajuda para encontrar um lugar onde possam ficar em segurança e dignidade. No entanto, o município não deu previsão de quando o problema será solucionado.