Jogo Aberto

Denílson condena atos racistas de torcedores do Boca e pede punição aos clubes

Comentarista do Jogo Aberto cobrou um posicionamento da Conmebol sobre os casos de racismo contra brasileiros em La Bombonera

Da Redação 18/05/2022 • 12:39 - Atualizado em 18/05/2022 • 20:03
Denílson condenou a Conmebol por mais um caso de racismo
Denílson condenou a Conmebol por mais um caso de racismo
Band

Denílson condenou os atos racistas cometidos por alguns torcedores do Boca Juniors contra corinthianos em La Bombonera, pela Copa Libertadores, no Jogo Aberto desta quarta-feira (18). O comentarista também pediu à Conmebol punição para as equipes envolvidas nesses casos.

“E mais uma vez vemos um caso de racismo na Libertadores, né? A Conmebol tem que tomar uma posição e uma atitude. Eu acho que a questão de punir os clubes começa a ser vista com bons olhos, porque não é normal. Não foi um (caso de racismo) só”, disparou Denílson.

“Foram dois ou três gestos de racismo durante o jogo por parte do torcedor do Boca, e mais uma vez também um torcedor argentino (comete atos racistas)", completou.

Em comunicado divulgado após manifestações racistas contra clubes brasileiros, a Conmebol afirmou que tomaria novas providências contra o crime, como a realização de partidas sem a presença de torcedores. O Corinthians vai protocolar uma reclamação na entidade, que ainda não se manifestou sobre os incidentes de ontem.