Esportes

Pai de Rogério Ceni desabafa por críticas ao filho e sonha com Seleção

Da Redação, com Rádio Bandeirantes 26/02/2021 • 00:27
Eurydes ao lado de Rogério Ceni (foto de arquivo)
Eurydes ao lado de Rogério Ceni (foto de arquivo)
Arquivo Pessoal

Na campanha irregular do Flamengo, Rogério Ceni balançou algumas vezes no cargo de técnico. No fim tudo acabou em festa, com o octa do Rubro-Negro no Morumbi, mas o pai do treinador, Eurydes, não esquece.

“A pressão era muito grande, com muitas críticas. Se o goleiro ou o zagueiro falham, a culpa é do treinador, se o atacante perde gol, a culpa é do treinador. Tudo em cima do treinador”, declarou o pai de Ceni em entrevista a Milton Neves na Rádio Bandeirantes.

Eurydes ainda lembrou que o filho já está “cascudo” para aguentar a pressão.

“A gente que é pai fica sentido, mas sei que o Rogério já está habituado a isso. A gente, que não é do ramo, fica muito sentido com muitas críticas que fizeram. Mas graças a Deus foi campeão. Então fica tudo esquecido”, completou.

Veja a classificação final do Brasileirão.

Eurydes também sonha com a possibilidade de Rogério treinar a Seleção Brasileira no futuro.

“Se depender da dedicação e comprometimento, talvez um dia ele chegue a Seleção. Porque ele é jovem. É claro que a gente espera que isso também acontecer. Mas, se não acontecer, treinar a Seleção Brasileira é pretensão de muitos treinadores”, disse.

O título foi conquistado após uma rodada eletrizante. O Flamengo perdeu para o São Paulo no Morumbi, mas o empate sem gols do Inter com o Corinthians garantiu o bi seguido do Rubro-Negro.

“Foi muito sofrido”, admitiu.

  • Flamengo