Bora SP

Morar de aluguel em SP está cada vez mais caro, indica pesquisa

A zona leste da capital paulista é a região mais valorizada nos últimos anos

Mark Figueredo 17/01/2022 • 11:13

Morar na maior cidade do país está cada vez mais caro. O índice do valor do aluguel em São Paulo subiu em média 3% no ano passado e dependendo do bairro os preços dispararam.

A zona leste da capital paulista é a região mais valorizada nos últimos anos. No bairro Jardim Anália Franco, por exemplo, os imóveis tiveram uma valorização de quase 20%. 

“Evoluiu muito. Tem tudo, você encontra tudo e não precisa sair do bairro. Você resolve sua vida aqui no bairro”, contou a fisioterapeuta, Moema shiguihara, que mora na região há 25 anos. 

Na lista dos bairros mais valorizados em 2021 estão a Vila Carrão, também na zona leste com valorização de 14,2%, Jardim Éster Yolanda, na zona oeste com 14%, e Jardim São Saverio, na zona sul com 11,6%.

“40% dos bairros da capital já registram preços acima do período de antes da pandemia”, explica Bruno Rossini, responsável pela pesquisa que mostrou os números. 

 

Arte/TV Bandeirantes

Desvalorização

O bairro que mais desvalorizou foi o de Santo Amaro, na zona sul de São Paulo. Uma queda de 16,1 %. O gasto mensal do engenheiro de software, Alexandre Lopes, morador da região tem um gasto mensal é de R$ 1.300.

“Morar aqui em Santo Amaro é muito prático. Eu consigo resolver tudo andando. O preço cabe no meu orçamento e está perto de tudo o que eu uso”, conta Alexandre. 

O centro da cidade (-14,1%) e bairros como Vila Nova Conceição (-13,1%) e Itaim Bibi, na zona sul (-12,7%) também tiveram queda no preço do aluguel.

“As pessoas estão deixando de procurar por estúdios e apartamentos de um quarto, ou seja, imóveis menores para procurar por imóveis com mais espaço, mais afastados do centro, mas que também tenha acesso facilitado ao transporte e comércio”, explica Bruno. 

Arte/TV Bandeirantes