Melhor da Tarde

Irmã de Nego do Borel diz que cantor precisa de ajuda psicológica

Família está tomando todos os cuidados necessários após funkeiro se envolver em novas polêmicas

Da Redação, com Melhor da Tarde 06/10/2021 • 19:44

A família de Nego do Borel está preocupada com a saúde mental do cantor depois de seu desaparecimento na última segunda-feira, 4. Raiana Gomes, irmã do funkeiro, usou as redes sociais para falar que o irmão precisa de ajuda psicológica.

“Meu irmão está realmente doente. Depressão não é brincadeira. Tenham empatia e se coloquem no lugar do próximo”, disse Raiana em seu Instagram. “Iremos procurar tratamento psicológico para ele, porque, do jeito que está, não vai continuar”, completou.

Entenda o caso

A Polícia Civil do Rio de Janeiro registrou o desaparecimento do cantor na noite de segunda-feira, 4. A mãe de Nego do Borel procurou a delegacia do Recreio dos Bandeirantes, na zona oeste da cidade. 

O funkeiro, segundo o registro de ocorrência, se despediu da mãe durante a manhã, avisando que sairia de casa. Aos prantos, ele disse que a amava e pediu que ela não o impedisse de fazer o que gostaria.

Segundo o relato da mãe aos policiais, o cantor ligou para um de seus assessores agradecendo por tudo, em tom de despedida. De acordo com o boletim de ocorrência, Nego do Borel estava incomunicável. O caso foi encaminhado para a Delegacia de Descoberta de Paradeiros.

A Polícia Civil chegou a enviar equipes para Itacuruçá, distrito de Mangaratiba, na Costa Verde do estado, onde o cantor teria sido visto. Nego do Borel foi encontrado em um motel no bairro de Vila Isabel, perto da comunidade do Borel.

O funkeiro afirmou que precisava se isolar e ficar sozinho após as últimas polêmicas envolvendo seu nome. Ele está sendo investigado por abuso sexual contra Dayana Mello e também é acusado de lesão corporal, estupro de vulnerável, ameaça, injuria e violência doméstica pela ex-noiva Duda Reis.