Fórmula 1

Tricampeão de F1 diz que Hamilton perdeu a chance de se aposentar no topo

Sir Jackie Stewart acredita que é melhor se retirar do esporte "no auge do que ter que experimentar a dor de não poder repetir as performances do passado"

Da redação 23/06/2022 • 13:02 - Atualizado em 23/06/2022 • 13:19
Sir Lewis Hamilton e Sir Jackie Stewart
Sir Lewis Hamilton e Sir Jackie Stewart
F1

Em entrevista ao podcast “The Convex Conversation”, Sir Jackie Stewart, tricampeão de F1, afirmou que Sir Lewis Hamilton deveria ter se aposentado do esporte quando ainda estava no auge da carreira. 

"O Lewis está naquele grupo de Ayrton Senna e Alain Prost, e até de Jackie Stewart, quem sabe. Ele se saiu muito bem nesse esporte. Eu gostaria de vê-lo se aposentando agora. É uma pena que ele não faça isso no auge, mas não acho que agora ele o fará. Independentemente disso, acredito ser mais sábio parar no auge do que experimentar a dor de não poder repetir as performances do passado", afirma Stewart. 

O tricampeão acredita que será difícil para Hamilton lidar com a atual superioridade de George Russell dentro da equipe, e que Lewis seria bem sucedido fora das pistas caso decidisse se aposentar. 

"Agora ele está passando um pouco de dificuldades porque o novo companheiro tem sido mais rápido que ele nas classificações até aqui, o que será difícil para ele lidar. Por isso acho que é hora de parar. Ele tem música, cultura, ama moda e esses mercados seriam perfeitos para ele. Tenho ceretza que será bem sucedido, pois está ganhando muito dinheiro de forma merecida, já que é o melhor da sua era", analisa.

Apesar de achar que é a hora de Hamilton dar adeus à F1, Stewart exaltou o caminho trilhado pelo heptcampeão até este ponto da carreira. 

"Ele trilhou um caminho incrível. Tem uma origem humilde, em que seu pai trabalhava em quatro ou cinco empregos para mantê-lo no kart até que Ron Dennis o achasse, porque ele era bom no kart, para levá-lo à McLaren e fazê-lo vencer corridas. Ele é muito talentoso. E quando chegou a hora de partir, foi a decisão dele, e não do ron Dennis. Foi decisão do Hamilton de ir para Mercedes, porque ele fiu potencial, e lá ele conquistou seis campeonatos até o momento", explica Jackie.  

Desde que estreou, em 2007, Lewis Hamilton detém os recordes mais importantes da F1. Empatado com Michael Schumacher no número de títulos, ambos com sete, o britânico é o maior vencedor (103), é quem tem mais poles (103) e também o piloto que mais subiu ao pódio (184) na história do esporte. 

No próximo GP da Inglaterra, inclusive, Hamilton pode se tornar o único piloto a vencer em pelo menos 16 temporadas. Ao mesmo tempo, se não vencer, Lewis chegará ao maior jejum da carreira, com 11 corridas sem vitória.