Fórmula 1

F1 na Band: Mariana Becker acha “pouco provável” Verstappen campeão na Arábia

Holandês depende de combinação de resultados para faturar título com uma corrida de antecedência

Da Redação, com Jogo Aberto 02/12/2021 • 11:41 - Atualizado em 02/12/2021 • 12:00

Direto do circuito de Jedá, a repórter Mariana Becker falou nesta quinta-feira (02) sobre a expectativa para o inédito Grande Prêmio da Arábia Saudita neste final de semana e disse que acha difícil que Max Verstappen, da Red Bull, já saia com o título na penúltima etapa da temporada da Fórmula 1, desbancando Lewis Hamilton (Mercedes).

“Não acho isso (título) muito provável porque basta ao Hamilton chegar em quinto para que isso não aconteça. O Hamilton só não conseguiu isso uma vez na temporada, em Mônaco, quando as coisas ainda estavam se acertando, ele estava meio perdido com o carro e ficou em sétimo. Agora ele tem o carro na mão”, afirmou.

“Mas quantas vezes falei que tá difícil fazer uma previsão este ano? São só oito pontos de diferença”, ressaltou a repórter da Band.

O fato de a corrida acontecer num circuito estreante na principal categoria do automobilismo mundial é mais um ingrediente para outra batalha da emocionante disputa pelo título de 2021.

“É uma pista que ninguém conhece, muito veloz e todo mundo está muito curioso, porque só viram no simulador. É uma pista com média de 250 km/h e com muro do lado, por ser pista de rua. São muitos componentes desconhecidos”, concluiu.

Grande Prêmio da Arábia Saudita (horários de Brasília)

Sexta-feira (03)
10h20 - Treino livre 1 - ao vivo no Bandsports
13h50 - Treino livre 2 - ao vivo no Bandsports

Sábado (04)
10h50 - Treino livre 3 - ao vivo no Bandsports 
13h30 - Classificação - ao vivo na Band, Bandsports, Bandplay e site da Band

Domingo (05)
14h - Corrida - ao vivo na Band, Bandplay, BandNews FM e site da Band
21h - VT da corrida - Bandsports

Onde assistir?

Ao vivo na tela da Band e online no Bandplay e no band.com.br, com narração de Sérgio Maurício, comentários de Reginaldo Leme e Max Wilson e reportagem de Mariana Becker. 

Grid:

Valtteri Bottas e Lewis Hamilton (Mercedes), Charles Leclerc e Carlos Sainz (Ferrari), Max Verstappen e Sergio Pérez (Red Bull), Lando Norris e Daniel Ricciardo (McLaren), Lance Stroll e Sebastian Vettel (Aston Martin), Fernando Alonso e Esteban Ocon (Alpine), Pierre Gasly e Yuki Tsunoda (AlphaTauri), Kimi Raikkonen e Antonio Giovinazzi (Alfa Romeo), Mick Schumacher e Nikita Mazepin (Haas), George Russell e Nicholas Latifi (Williams).