Fórmula 1

Williams anuncia renovação de contrato de Alexander Albon

Tailandês tinha compromisso até o fim de 2024 e prorrogou pelo menos até o fim de 2026

Da redação

A Williams anunciou nesta quarta-feira (15) a renovação de contrato com Alexander Albon. O tailandês tinha compromisso com o time até o fim da temporada 2024, mas prorrogou por pelo menos dois anos – até o fim de 2026.

Albon chegou à Williams em 2022, depois de duas temporadas por Toro Rosso e Red Bull entre 2019 e 2020. Em 2021, ele foi piloto de testes dos dois times, além de ter disputado a DTM.

O retorno de Albon à Red Bull era uma especulação para 2025. No entanto, com o novo contrato plurianual, ele garante pelo menos mais duas temporadas pela Williams – inclusive com vaga no grid de 2026, quando a F1 estreia um novo regulamento.

“Estou incrivelmente feliz por permanecer na Williams e por continuar trabalhando com um time de pessoas tão talentosas e dedicadas. O começo deste ano tem sido difícil, mas desde que cheguei à Williams, conseguimos um progresso significativo juntos e tenho visto grandes mudanças acontecendo nos bastidores para nos levar de volta ao pelotão da frente”, comemorou o piloto.

No comunicado, a Williams afirmou que “a prorrogação do relacionamento reforça o compromisso da Williams em construir uma equipe competitiva, capaz de brigar por pódios e títulos na Fórmula 1”. A renovação, no entanto, vem no pior começo de temporada de Albon pelo time: pela primeira vez desde que chegou em 2022, o tailandês não somou pontos nas seis primeiras provas do ano.

“Este é um projeto a longo prazo no qual eu realmente acredito e no qual quero ter um papel-chave, e foi por isso que assinei um contrato plurianual. A jornada levará tempo, mas estou confiante de que estamos construindo a equipe certa para seguirmos à frente e alcançar grandes coisas nos anos que estão por vir”, completou.

Com Albon confirmado, a Williams agora busca definir seu segundo piloto para 2025. No momento, a principal possibilidade indica para a entrada de Andrea Kimi Antonelli na vaga de Logan Sargeant – o que poderia acontecer ainda em 2024. O nome de Pierre Gasly também foi ventilado no time.

“Estamos felizes por assegurarmos o futuro de Alex a longo prazo com a Williams. Ele tem um talento excepcional, conhecimento técnico e uma dedicação à causa, e isto é um voto de confiança na Williams e na jornada de volta à competitividade na qual estamos”, comemorou James Vowles, chefe de equipe da Williams.

“Desde que chegou, Alex tem demonstrado consistentemente sua habilidade de desempenhar sob pressão, e assinar com ele um contrato a longo prazo é uma grande peça no quebra-cabeça de nos movermos para frente no grid”, completou.

Tópicos relacionados

Notícias

Carregar mais