Notícias

"Estou aberto a conversar com Rodrigo Maia", diz Lula

Da redação com BandNews TV 10/03/2021 • 15:12 - Atualizado em 10/03/2021 • 16:15

O ex-presidente Lula fez seu primeiro discurso desde que Fachin anulou as condenações na Lava Jato. Enquanto o petista respondia perguntas de jornalistas, o deputado Rodrigo Maia (DEM-RJ) fazia elogios ao líder de esquerda. “Você não precisa gostar do Lula para entender a diferença dele para o Bolsonaro. Um tem visão de país; o outro só enxerga o próprio umbigo. Um defende a vacina, a ciência e o SUS; o outro defende a cloroquina e um tal de spray israelense”, escreveu o ex-presidente da Câmara.

Lula, que em sua fala defendeu a conversa com vários setores da sociedade, esboçou uma possibilidade de uma frente ampla. "Estou aberto a conversar com Rodrigo Maia", afirmou. O petista ainda sugeriu uma união com Maia para “tirar Bolsonaro”.

O petista ainda fez aceno a campos do centro e da direita. Ele elogiou Luciano Huck apesar de uma alfinetada do apresentador. Huck escreveu em suas redes sociais que “figurinha repetida não preenche álbum”. Lula brincou: “Se a figurinha repetida for premiada, ela vale pelo álbum todo”.

Apesar de levantar uma bandeira branca ao centro, Lula rebateu críticas de Ciro, que é do campo da esquerda. O político cearense defendeu a anulação das condenações realizada por Fachin, mas disse que apesar de inocente na Lava Jato, Lula não é necessariamente honesto. “O Ciro Gomes precisa assumir a responsabilidade porque ele é um homem de 64 anos de idade, ele não pode falar as meninices que ele achava engraçado quando ele era jovem”, disse o ex-presidente.

Assista ao discurso de Lula na íntegra:

  • Lula
  • Rodrigo Maia