Jornal da Band

Governo libera calendário de emendas após encontro de Lula com Arthur Lira

O encontro foi um sinal de que Lula assumiu a articulação política e o governo vai atender aos pedidos de parlamentares

Da redação

O presidente Lula fez o primeiro encontro do ano com o presidente da Câmara e líderes partidários. E num aceno ao Congresso, o governo liberou um calendário de emendas parlamentares.

O encontro foi um sinal de que Lula assumiu a articulação política e o governo vai atender aos pedidos de parlamentares, depois de muita reclamação contra o ministro Alexandre Padilha.

O clima ficou tenso entre Arthur lira e o governo Lula depois que, na abertura do ano legislativo, o presidente da Câmara disse que é preciso respeitar os acordos firmados com o parlamento e que o orçamento é de todos, não só do executivo. 

Nesta sexta-feira (23), no Rio de Janeiro, Lira disse que a Câmara jamais faltou em matérias importantes para o país e que o diálogo deve ser permanente.

“Foi um bate papo normal, conversa mais amena, não teve uma reunião nem pontos específicos. O presidente Lula conversou como deve fazer como rotina com os líderes partidários que representam o pensamento dos parlamentares que a eles confiam na liderança”, disse.

Em mais um aceno para melhorar as relações com o Congresso, o governo publicou o calendário de liberação de emendas. De mais de R$ 50 bilhões que deputados e senadores terão em 2024, R$ 20 bilhões serão pagos até o fim de julho. Os parlamentares têm pressa, já que as eleições municipais vão encurtar a agenda do legislativo neste ano.

Tópicos relacionados