Jornal da Band

Nível do Guaíba pode bater novo recorde; frio e ventos preocupam em Porto Alegre

Nível da água voltou a subir em Porto Alegre porque, nas últimas 48 horas, choveu forte nos rios que deságuam no Lago Guaíba

Da redação

Nível do Guaíba pode bater novo recorde; frio e ventos preocupam em Porto Alegre
Wesley Santos/Reuters

Na Avenida Guaíba, em Porto Alegre, a Band registrou o que a força do vento faz com a água acumulada. Cria ondas, como estivéssemos na beira do mar. Para piorar, o nível do Lago Guaíba voltou a subir devido às chuvas no final de semana. Imóveis voltaram a ser alagados.

Para piorar, além da chuva e dos ventos, há um alerta para uma frente fria no Rio Grande do Sul a partir desta segunda-feira (13). As temperaturas podem chegar a 0ºC na próxima quarta-feira (15), alerta o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet).

Em alguns locais da capital não dá mais para saber o que é avenida, calçada, área de lazer. Tudo está coberto por água. Nos próximos dias, o nível do Guaíba pode bater um novo recorde, chegando a 5,5 metros. A marca é maior que a registrada no dia 5 de maio. Em 1941, a cheia histórica atingiu 4,76 m.

“É assustador. Está subindo mais um metro. A gente está saindo. Por enquanto, não afetou dentro de casa, mas está bem perto”, comentou o vendedor Eduardo Dalberti.

O nível da enchente voltou a subir porque, nas últimas 48 horas, choveu forte nos rios que desaguam no Guaíba.

Outro fator que contribuiu para manter Porto Alegre alagada é o chamado “vento sul”, que vem do oceano, empurra a agua em direção à cidade e dificulta o escoamento. Se ele vier forte e intenso, é capaz de subir o nível em meio metro em poucas horas.

A água que sobe também aumenta o sentimento de impotência. Para o comerciante Gilberto Zeni, o pesadelo se repete. O comércio dele fica no bairro Menino Deus, uma região em que a água começava a baixar.

Sem luz em casa há uma semana, reger precisa da ajuda de amigos para carregar a bateria do celular. Está inconformado com a realidade do cenário que ele mais gosta de curtir durante as folgas.

CTA Desktop

Tópicos relacionados

Mais notícias

Carregar mais