PEC dos combustíveis não deve impedir novos reajustes, diz governador do Piauí

Da Redação 27/01/2022 • 13:28 - Atualizado em 27/01/2022 • 13:52
Wellington Dias diz que o problema não é o ICMS
Wellington Dias diz que o problema não é o ICMS
AFP

O governador do Piauí e coordenador do Fórum Nacional de Governadores afirma que a PEC dos combustíveis não será capaz de impedir novos reajustes e vai quebrar estados e municípios.

Wellington Dias conversou com José Luiz Datena, na Rádio Bandeirantes, sobre a proposta do presidente Jair Bolsonaro de incluir o ICMS na emenda à Constituição que pode zerar ou reduzir a cobrança.

Como resposta, os governadores decidiram prorrogar até o final de março o congelamento do valor de referência para a cobrança do imposto.

Wellington Dias afirma que a medida, em vigor desde novembro, não impediu reajustes da gasolina, o que prova que o problema não é o ICMS.

O governador do Piauí defende a criação de um fundo para equilibrar o caixa da Petrobras quando o preço do petróleo subir no mercado internacional sem o repasse para o consumidor.