Notícias

Brasil tem 25 milhões de compradores de livros

Estudo feito pela Câmara Brasileira do Livro indica que desse total 69% adquiriram até cinco obras nos últimos 12 meses

Por Vinícius Calixto (sob supervisão)

Estudo busca identificar o perfil e hábitos dos compradores de livros no Brasil
Estudo busca identificar o perfil e hábitos dos compradores de livros no Brasil
Reprodução/Pixabay
Topo

O Brasil tem 25 milhões de compradores de livros, segundo um levantamento feito pela Câmara Brasileira do Livro. O estudo aponta que desse total 69% adquiriram até cinco obras nos últimos 12 meses.  

Entre as compras, a maioria (54%) foi de livros físicos. Dos entrevistados ouvidos, 74% pretendem fazer novas aquisições nos próximos três meses.  

O estudo busca identificar o perfil e hábitos dos compradores de livros no Brasil. 16% da população brasileira acima dos 18 anos comprou, ao menos, um livro nos últimos 12 meses.

As principais razões apontadas para a compra de um livro são o crescimento pessoal e o lazer. 55% dos consumidores de livros preferem fazer aquisições online, por causa de ofertas.

Por outro lado, 40% ainda optam pela compra presencial.  

A presidente da Câmara Brasileira de Livros, Sevani Matos, afirma que ainda há muito espaço para o crescimento do público leitor no Brasil e reforça a importância de ações e políticas efetivas que garantam o acesso da população a leitura.  

O estudo revela ainda que para os não compradores, o hábito de leitura é uma atividade importante. Muitos, no entanto, relatam empecilhos como alto custo, ausência de loja e falta de tempo para ler.  

O engenheiro mecânico Márcio Alvarães afirma que tem livros de história e artigos como preferência para desenvolvimento pessoal e ressalta a importância da leitura.  

A pesquisa revela que a não-ficção para adultos é o gênero mais popular (56,4%), seguido por ficção adulta (38,2%) e científico, técnico e profissional (17,3%). 

Tópicos relacionados