Notícias

Queda do mercado americano impulsiona procura por imóveis no Brasil

No Rio de Janeiro, Búzios, na Região dos Lagos, se tornou um atrativo

Por Myllena Vianna

Búzios, na Região dos Lagos, se tornou um atrativo para investimentos
Búzios, na Região dos Lagos, se tornou um atrativo para investimentos
Divulgação

A procura de estrangeiros por empreendimentos no Brasil tem crescimento de 20% em 2023 devido à queda nas vendas de imóveis e aumento dos preços nos Estados Unidos nos últimos 12 meses. No Rio de Janeiro, Búzios, na Região dos Lagos, se tornou um atrativo para investimento de estrangeiros em empreendimentos no Brasil. 

A pesquisa foi divulgada nesta sexta-feira (1º), pela Sort Investimentos, empresa de investimentos imobiliários. 

Segundo levantamento da Associação Nacional de Corretores de Imóveis dos Estados Unidos, o país apresentou queda de 7,3% nas vendas de imóveis, além de alta de 4% nos preços dos empreendimentos. Além disso, houve redução de 1,7% nos estoques de imóveis já prontos. 

Dentre os motivos, está o preço do metro quadrado e as características da região, como afirma o especialista do setor imobiliário e CEO da Sort Investimentos, Renato Monteiro. 

A advogada e professora universitária Veronica Lagassi, afirma que a principal diferença entre os dois mercados imobiliários é burocracia. Ela diz ainda que a inflação faz com que o valor do dólar tenha uma valorização em relação ao real. 

De acordo com o estudo, Balneário Camboriú, em Santa Catarina, no Sul, também tem despertado interesse dos norte-americanos. O município ocupa há mais de um ano o topo do ranking do metro quadrado mais caro do País.

Tópicos relacionados