Masterchef

Ananda revela que irá trabalhar com Diego após ser eliminada do MasterChef

Eliminada da quarta temporada com Profissionais, a cozinheira revela no programa Mais MasterChef, no YouTube, seus próximos planos e por que pensou em desistir da carreira. Assista!

Da redação

Ananda já sabe quais serão seus próximos após ser eliminada do MasterChef Profissionais no último episódio. Ela revelou com exclusividade no programa Mais MasterChef, no YouTube oficial do programa, que fará uma parceria com Diego, participante que segue na disputa. Assista à entrevista no vídeo acima!

“Vou lançar em primeira mão. Em novembro, começo a trabalhar com Diego na liderança da próxima casa dele que abriremos na zona norte de São Paulo”, contou Ananda. 

A cozinheira comentou as dificuldades de trabalhar na área. Além do fato de ser mulher, ela destacou que é preciso abdicar do convívio social em muitas ocasiões e disse que é difícil ganhar dinheiro na área. 

“Trabalhamos enquanto todo mundo está curtindo. Geralmente estamos livres às segundas-feiras, que é quando todos estão trabalhando. E também a falta de retorno financeiro. Querendo ou não, é uma área que nos afasta de pessoas queridas. Acabamos querendo desistir ou mergulhando de fato”, declarou. 

Apesar dos desafios, ela pretende continuar na gastronomia – mas de uma forma diferente como estava acostumada até então. 

“Já pensei em mudar de área várias vezes. Talvez eu tenha certeza que continuarei na gastronomia, mas não como cozinheira como fui até hoje. Talvez ser proprietária de uma casa ou participar de eventos. O leque se expandiu muito após o programa”, declarou. 

Além de Ananda, o ex-MasterChef Fernando Kawasaki também participou do Mais MasterChef. Ele contou, por exemplo, como foi difícil superar a fama de vilão após deixar a segunda temporada do programa, em 2015. Ele voltou ao MasterChef - A Revanche, em 2019. 

“Quando saí do MasterChef em 2015, não saí como uma pessoa querida do público. Isso afastou as marcas de mim. Aproveitei para sair das redes sociais e cuidar da minha saúde mental. Naquela época, eu me afundei na cozinha fazendo expediente às vezes de 14 horas. Veio A Revanche e foi um divisor de águas. Consegui estabelecer um cotidiano menos insalubre", afirmou.