Masterchef

De volta ao MasterChef, Daphne ganha prova e elogio de Helena Rizzo: “Muito talento"

Cozinheira que participou do MasterChef Junior mandou bem ao fazer receita com alcatra no 2º episódio

Stefani Sousa 13/07/2021 • 23:44
Daphne vence prova do segundo episódio
Daphne vence prova do segundo episódio
Carlos Reinis/Band

Daphne mostrou a que veio na oitava temporada do MasterChef. A cozinheira, que participou do MasterChef Junior aos 13 anos, voltou à cozinha do programa com frio na barriga, mas foi elogiada pelos jurados no segundo episódio, exibido nesta terça-feira, 13. O primeiro desafio da noite foi preparar receitas com alcatra em apenas 1 hora, e ela arrancou aplausos dos concorrentes e dos chefs com uma alcatra selada com creme de cogumelo e alho-poró e batata na manteiga.

Helena Rizzo ficou surpresa ao saber que Daphne tinha feito a receita pela primeira vez. “Queria te dizer que teu prato está muito belo, tá lindo, caprichado, limpo. Já tinha cozinhado isso antes? Descansou a carne antes de cortar? Pela primeira vez que você fez esse prato queria dizer que você tem muito talento, garota.”

As palavras da chef do Maní fizeram Daphne ganhar a noite. “Quando fui chamada [pelos chefs] estava confiante. Senti mil coisas quando a Helena me elogiou. Admiro bastante ela e não consigo definir o que eu senti quando fui elogiada…”, disse em entrevista ao Band.com após as gravações.

Os elogios não pararam por aí. Jacquin concordou que a combinação de batata com carne é uma dupla muito boa na cozinha. “É bom, bem temperado, carne no ponto certo, champignon tá bom. Acho que sua experiência no Júnior te ajudou bastante”, disse o chef. E Fogaça completou os demais jurados: “Prato bem equilibrado, limpo, bem apresentado. Ingredientes falam muito bem. Seus professores estão de parabéns”.

Nos bastidores, Daphne contou que a pressão é ainda maior agora que participa do talent show pela segunda vez. E que, apesar do prato ter dado muito certo, carne não é o tipo de ingrediente que gosta de comer ou cozinhar. “Foi estranho voltar ao MasterChef, achei que eu estava muito mais nervosa dessa vez, tinha um peso maior por já ter participado. Foi melhor do que eu esperava porque achei que não conseguiria fazer nada, que não daria tempo e que não ia entregar nada.” Ledo engano.

Deu tudo certo, pelo menos quando o assunto foi o tempero. Já no jogo, o climão foi inevitável entre os participantes depois que ela salvou André e Ana Karina da berlinda. “Odiei ter escolhido. Me dou melhor com a pressão na cozinha do que com a emoção, não sou boa nisso. Todo mundo quer ganhar, uma hora vai ficar apertado”, explica. Bom, isso não tem como negar.

  • masterchef
  • daphne