Esportes

Brusque perde três pontos na Série B por racismo contra Celsinho

Clube ainda recebeu multa, enquanto dirigente identificado como autor da ofensa foi suspenso

Da Redação, com BandNews FM 24/09/2021 • 16:54 - Atualizado em 24/09/2021 • 18:11
Celsinho foi alvo de racismo em Brusque
Celsinho foi alvo de racismo em Brusque
Ricardo Chicarelli/Londrina

O Brusque foi punido pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) com a perda de três pontos na Série B do Campeonato Brasileiro por discriminação racial contra o atleta Celsinho, do Londrina. O clube ainda foi multado em R$ 60 mil.

Presidente licenciado do Conselho Deliberativo, Júlio Antônio Petermann foi suspenso por 360 dias e multado em R$ 30 mil. O Brusque pode recorrer da decisão.

No dia 28 de agosto, Celsinho foi alvo de injúria racial no jogo contra o Brusque no Augusto Bauer pela 21ª rodada da Segundona. Na súmula, o árbitro citou as palavras ouvidas pelo jogador nos minutos finais do primeiro tempo: "Vai cortar esse cabelo, seu cachopa de abelha".

O autor, identificado posteriormente, foi justamente Júlio Antônio Petermann, presidente do Conselho Deliberativo.

Com a punição, o Brusque passa a ter 26 pontos, e não mais 29, na tabela da Série B do Brasileirão, ficando apenas um acima da zona do rebaixamento.

Inicialmente, o clube catarinense negou em nota as acusações de racismo e acusou Celsinho de “oportunismo”, mas depois se retratou. Já o Londrina compartilhou um vídeo em que se ouve uma pessoa na arquibancada gritando “macaco” ao atleta.

  • celsinho
  • brusque
  • londrina