Notícias

Óculos da estátua de Drummond são furtados pela 12ª vez desde a inauguração no Rio de Janeiro

O monumento, em bronze, foi instalado em 2002 na orla de Copacabana, na zona sul da capital fluminense

Mariana Procopio, da TV Bandeirantes 24/10/2021 • 08:30 - Atualizado em 24/10/2021 • 11:31
Óculos da estátua de Drummond são furtados pela 12ª vez desde a inauguração no Rio de Janeiro
Óculos da estátua de Drummond são furtados pela 12ª vez desde a inauguração no Rio de Janeiro
Mariana Procopio/TV Bandeirantes

A Guarda Municipal do Rio de Janeiro vai enviar para a Polícia Civil imagens gravadas no momento do roubo dos óculos da estátua do poeta Carlos Drummond de Andrade, que fica na orla de Copacabana, na zona sul da capital fluminense. 

O monumento, em bronze, foi instalado em 2002 e, desde então, já foi alvo de, pelo menos, 12 ações criminosas.

Turistas que vieram tirar foto com a estátua se surpreenderam com ausência dos óculos. Um deles foi o técnico de informática Lucas Pesogi, de São Paulo.

Embora a frequência dos roubos acabe virando motivo de piada entre turistas e também moradores, a técnica de enfermagem, Letícia Silva, chama atenção para a gravidade do problema.

O caso foi registrado na delegacia da região. A pena para o crime de dano contra o patrimônio público varia de seis meses até três anos de prisão, além de multa.