Notícias

Homem é preso acusado de se passar por policial civil, furtar carro e assaltar casa em São Paulo

O criminoso, que já tinha passagem por roubo, foi indiciado em flagrante por receptação de veículo, roubo a residência e adulteração de sinais de veículo automotor

Da Redação, com 1º Jornal 14/04/2021 • 05:50

Um homem foi preso acusado de se passar por policial civil, furtar um carro e assaltar uma casa na zona leste de São Paulo. O caso aconteceu na noite desta terça-feira (13), na Avenida Doutor Luiz Aires, região da Penha. As informações são do Matheus Pastori e Igor Calian, no 1º Jornal

De acordo com a Polícia Militar, equipes do 4º Batalhão de Ações Especiais de Polícia (Baep) faziam patrulhamento pela Avenida Radial Leste quando desconfiaram do condutor de um Hyundai i30 prata. 

Por considerarem a atitude do homem suspeita, os policiais resolveram abordar o acusado. Ele, por sua vez, desrespeitou os sinais de parada, dando início a uma breve perseguição. 

O suspeito foi alcançado e detido por outras equipes da PM, acionadas para dar apoio à ação. Durante a abordagem, o acusado, identificado como Ryan Alves da Silva, permaneceu em silêncio. 

Feita vistoria ao veículo, dentro de uma sacola preta, foram localizadas e apreendidas duas fardas falsas da Polícia Civil, quatro algemas descartáveis e um simulacro de arma de fogo. No banco traseiro, também foi encontrada uma mochila usada para o transporte de armas.

Ao consultar a placa do carro junto ao COPOM, os PMs descobriram que o veículo havia sido usado em um caso de roubo a residência em Suzano, na Região Metropolitana de São Paulo. 

Verificando o número do chassi, foi constatado que o carro foi furtado no último dia 17 de janeiro e usava uma placa clonada de um outro veículo, de modelo igual. 

Assim, Ryan foi preso em flagrante. Tanto a vítima do roubo à residência quanto do furto do carro e da clonagem das placas foram chamadas à delegacia para onde o acusado foi encaminhado. 

Ryan foi reconhecido por ao menos uma das vítimas.  O carro foi devolvido ao proprietário. O criminoso, que já tinha passagem por roubo, foi indiciado em flagrante por receptação de veículo, roubo a residência e adulteração de sinais de veículo automotor. As investigações do caso estão a cargo do 10º DP, onde a ocorrência foi registrada.

  • acusado
  • preso
  • policial civil
  • São Paulo