Primeiro Jornal

Miss Ilhabela é vítima de abuso sexual em São Paulo

Ela foi abusada dentro de um veículo por um motorista de aplicativo que foi preso em flagrante

Carol Mattos e Igor Calian, no 1º Jornal 20/10/2021 • 06:49 - Atualizado em 20/10/2021 • 07:47

A modelo e Miss Ilhabela Ariana de Melo, de 27 anos, foi vítima de violência sexual por um motorista de aplicativo. Ela foi abusada dentro do veículo quando tentava voltar para casa, na zona norte de São Paulo. O homem identificado como Rogério Conceição, de 52 anos, foi preso em flagrante. 

Ariana afirmou que conversava com Conceição quando o motorista passou a puxar assunto de cunho sexual e chegou a colocar a mão na perna dela. Ela desconfortável com a situação pediu para descer do carro. Ao passar por uma rua movimentada ela bateu no vidro e começou a pedir socorro. 

“Eu entrei dentro do carro e ele começou a me fazer perguntas da onde eu era? da onde eu vim? onde eu morava? porque meu sotaque denunciava. Eu falei que era de Pernambuco, mas que estava morando aqui em São Paulo. Ele começou a falar palavras sexuais que não vou repetir. Foi horrível. Pedi para descer ele não deixou. Passou a mão em mim, no meu peito e na minha perna. A partir do momento que comecei a gritar e pedir socorro ele abriu a porta e eu saí correndo. Só deixou sair porque era uma rua movimentada e estava quase em frente da minha casa", contou Ariana. 

A modelo acionou a Polícia Militar que acabou achando e detendo o motorista de aplicativo em Osasco. A polícia investiga se o agressor fez outras vítimas.