Primeiro Jornal

Festa de aniversário do rapper Filipe Ret será investigada por tráfico de drogas

Registros das redes sociais mostram o que parece ser um balde repleto de cigarros de maconha sendo distribuídos para os convidados da festa de aniversário do cantor

Michelle Souza 01/07/2022 • 07:55 - Atualizado em 01/07/2022 • 14:27

A Polícia Civil do Rio de Janeiro abriu um inquérito para investigar a festa de aniversário do rapper Filipe Ret. Registros das redes sociais mostram o que parece ser um balde repleto de cigarros de maconha sendo distribuídos para os convidados. O cantor pode responder por tráfico de drogas.

O aniversário de 37 anos do rapper aconteceu em uma casa de shows na zona sul do Rio. Na ocasião, Filipe Ret publicou uma foto que rendeu muita polêmica: um balde supostamente cheio de cigarros de maconha.

Na internet, alguns convidados confirmaram que a festa foi "open maconha", ou seja, com droga de graça e ilimitada para os convidados. O cantor está sendo investigado pela Polícia Civil do Rio por tráfico de drogas.

O artista não se pronunciou sobre a investigação.

Quem é Filipe Ret

O cantor carioca de 37 anos é formado em jornalismo e virou um dos principais nomes do rap nacional. Ele tem mais de sete milhões de seguidores do Instagram e seis milhões no Spotify.

Um dos últimos grandes trabalhos foi o álbum “Imaterial”, que ficou entre os dez mais tocados nas plataformas de streaming musical.

No ano passado, Filipe Ret lançou na Califórnia, nos Estados Unidos, a própria marca de maconha, a Ret Kush. Em vários estados americanos, a venda e o uso recreativo da cannabis são legalizados.