Notícias

Moraes abre procedimento preliminar para apurar falas de Weintraub

Decisão de ministro do STF foi no âmbito do inquérito das fake news, que apura ameaças contra integrantes do STF.

Da Redação, com BandNews TV 22/01/2022 • 09:56

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Alexandre de Moraes abriu uma investigação preliminar contra o ex-ministro da Educação Abraham Weintraub para apurar declarações dadas ao podcast Inteligência Ltda.

Na entrevista, Weintraub sugeriu que um dos ministros da Corte agia com parcialidade. Porém, ele não especificou a quem se referia, além de não apresentar provas da acusação.

O ex-ministro disse na entrevista que um juiz da Corte, que lhe havia negado um habeas corpus, demonstrou interesse, em conversa com um interlocutor, em comprar a sua casa. Na ocasião, Weintraub não morava no Brasil.

Todos os ministros do STF, com exceção de Moraes, já julgaram pedidos de Weintraub. 

A decisão de Moraes foi no âmbito do inquérito das fake news, que apura ameaças contra integrantes do STF.