Band Rio

Rio tem calendário de vacinação normalizado e idosos recebem dose de reforço

Adolescentes de 14 anos também puderam se vacinar com a primeira aplicação

Rafaella Balieiro (sob supervisão de Natashi Franco) 15/09/2021 • 16:55 - Atualizado em 20/09/2021 • 14:58
Idosos com mais de 93 anos já podem se vacinar com o reforço
Idosos com mais de 93 anos já podem se vacinar com o reforço
Reprodução/ Agência Brasil

Com a entrega de novas doses de vacina pela Fiocruz, o município do Rio retoma o calendário de imunização proposto pela Prefeitura. Durante o dia de hoje, idosos com 93 anos ou mais e pessoas a partir dos 60 anos, com alto grau de imunossupressão, puderam receber a dose de reforço. Já as meninas de 14 anos compareceram hoje, aos postos, para garantir a primeira aplicação do imunizante da Pfizer, único autorizado pela Anvisa para a faixa-etária dos adolescentes.

Já para a aplicação da AstraZeneca, a Fundação Oswaldo Cruz confirmou que as entregas semanais das doses estão garantidas até o final do mês. Cerca de 93,6 milhões de doses já foram enviadas ao Ministério da Saúde até agora. As entregas ficaram suspensas por duas semanas, o que atrasou a aplicação da segunda dose do imunizante.

O calendário do município do Rio já está regularizado e a aplicação da segunda dose está acontecendo de acordo com a data prevista nos comprovantes de vacinação. A repescagem também acontece para pessoas com 22 anos ou mais, gestantes, puérperas, lactantes e Pessoas com Deficiência (PcD) a partir de 12 anos.

A partir de hoje, moradores e visitantes que precisarem ir em locais coletivos fechados serão obrigados a apresentar o comprovante de vacinação em dia. A medida também é válida para quem tomou a primeira dose a aguarda a aplicação da segunda.

  • Vacinação
  • Ficruz
  • Rio de Janeiro