Esportes

F1: Hamilton e Verstappen batem, abandonam prova e Ricciardo vence o GP da Itália; veja os destaques

Hamilton e Verstappen colidiram e não pontuaram no Grande Prêmio da Itália

Rodrigo Lima 12/09/2021 • 11:41 - Atualizado em 12/09/2021 • 14:50

Em uma corrida para entrar para a história. O Grande Prêmio da Itália vai ficar marcado pela colisão entre o líder do campeonato Max Verstappen e o vice-líder Lewis Hamilton e uma corrida impecável de Daniel Ricciardo.

Com o abandono de Verstappen e Hamilton, a briga pelo título continua a mesma com o piloto da Red Bull Racing com 226.5 pontos e o da Mercedes com 221.5 pontos no campeonato mundial de pilotos.

Verstappen foi punido pelo incidente. O piloto holandês da Red Bull Racing tomou punição de três posições no grid do Grande Prêmio da Rússia e dois pontos de penalidade na carteira. Quando um piloto acumula 12 pontos na carteira, fica fora de uma corrida como punição.

Ricciardo larga bem e vence

Segundo no grid de largada, Daniel Ricciardo largou bem e ultrapassou Max Verstappen para dominar o Grande Prêmio da Itália de ponta a ponta.  

Além da vitória, a oitava na sua carreira, o piloto da McLaren fez a melhor volta da corrida na última volta das 53 do Circuito de Monza.

Lando Norris e dobradinha da McLaren

A McLaren só tem motivos para comemorar em Monza. Lando Norris, que largou em terceiro, terminou a prova em segundo e garantiu a dobradinha para a equipe britânica.

Verstappen e Hamilton fazem paradas ruins

Na volta 24, Max Verstappen foi para os boxes e teve problemas na sua parada. O líder do campeonato levou o tempo de 32.4 segundos para sair dos boxes e voltou na nona posição.

Já o Lewis Hamilton fez uma parada na volta 26 e levou 25.1 segundos para sair dos boxes.

Hamilton e Verstappen batem e abandonam corrida

Ao sair dos boxes, Lewis Hamilton voltou no bolo e ficou entre Lando Norris, da McLaren, e Verstappen, da Red Bull. Brigando roda a roda por posição com o piloto holandês, os carros bateram e a RB16B de Verstappen passou por cima da W12 de Hamilton e ambos ficaram encavalados na Variante Del Rettifilo e tiveram que abandonar a corrida.

O piloto da Mercedes escapou de um acidente ainda pior graças ao halo, sistema de proteção que tem no carro, que impediu que algo acontecesse com o piloto inglês.

Corrida de recuperação de Bottas

Largando na última posição por ter feito uma troca no motor, o finlandês Valtteri Bottas, que venceu a corrida sprint no sábado, 11, fez uma bela corrida de recuperação em Monza e terminou o Grande Prêmio da Itália na terceira posição.

  • Fórmula 1