Esportes

Qual o valor dos elencos do Mundial de Clubes? Palmeiras está longe do Chelsea

Apesar de estar longe da equipe inglesa, campeão da Libertadores está à frente dos demais rivais

Rodrigo Lima 14/01/2022 • 12:07 - Atualizado em 14/01/2022 • 12:18
Apesar de estar muito atrás do Chelsea, Palmeiras é superior aos outros rivais
Apesar de estar muito atrás do Chelsea, Palmeiras é superior aos outros rivais
Band

O Palmeiras vai disputar o Mundial de Clubes da FIFA em fevereiro e, apesar de ser a segunda equipe com o maior valor de mercado entre as sete equipes do torneio, o elenco alviverde custa apenas 20% do elenco do Chelsea, da Inglaterra.

Segundo dados do site Transfermarkt, o valor de mercado da equipe inglesa campeã da Liga dos Campeões 20/21 é de 879,50 milhões de euros. Já o Palmeiras, atual bicampeão da Libertadores tem um elenco com só um sexto desse valor, com 183,40 milhões de euros.

Apesar da diferença da equipe brasileira para o Chelsea, o Palmeiras ainda está muito à frente dos demais times que vão disputar o Mundial de Clubes em Abu Dhabi, nos Emirados Árabes Unidos.  

A terceira equipe com maior valor de mercado é o Monterrey, do México, com um valor de 85,9 milhões de euros. Os mexicanos estão na mesma chave do Palmeiras e enfrentam na fase de quartas-de-final o Al-Ahly, do Egito, que tem um valor de mercado de 31,3 milhões de euro.

Pela chave do Chelsea, o Al Hilal é a quarta equipe mais cara da competição, com um elenco que vale 53,58 milhões de euros e possui jogadores de nome como os atacantes Gomis e André Carrillo.

O Al-Hilal vai enfrentar o vencedor de Al Jazira, dos Emirados Árabes Unidos, e AS Pirae, do Taiti. A equipe dos Emirados Árabes possui um modesto elenco que vale apenas 19,3 milhões de euros.

Já o AS Pirae, que disputa a competição pela primeira vez, herdou a vaga de representante da Oceania deixada pelo Auckland City, da Austrália, não possui um valor de mercado estimado.

Os elenco mais caros do Mundial de Clubes:

  • Chelsea:  879,50 milhões de euros
  • Palmeiras: 183,40 milhões de euros
  • Monterrey: 85,9 milhões de euros
  • Al Hilal: 53,58 milhões de euros
  • Al-Ahly: 31,3 milhões de euros
  • Al Jazira: 19,3 milhões de euros