Notícias

Ômicron é responsável por 100% dos novos casos na cidade de SP

Duzentas e dez mil pessoas testaram positivo para covid-19 desde o começo do ano na cidade de São Paulo

Lucas Jozino 28/01/2022 • 10:17 - Atualizado em 28/01/2022 • 10:25

A variante Ômicron da Covid-19 é responsável por 100% das infecções na capital paulista e o principal vírus que circula na cidade, nove vezes mais que o da gripe, revela um estudo feito pela secretaria municipal de saúde, o qual a Rádio Bandeirantes teve acesso. 

As análises no documento indicam que a maioria dos pacientes que precisaram de hospitalização por causa da Covid-19 tem alguma comorbidade e mais de 60 anos.

Duzentas e dez mil pessoas testaram positivo para covid-19 desde o começo do ano na cidade de São Paulo. Uma média de sete mil novos casos por dia, o maior patamar desde o começo da pandemia. O número de contaminados é ainda maior, uma vez que, há mais de 20 dias, não há teste suficiente para todos. 

Hoje, para conseguir um exame na rede pública é necessário ter pelo menos dois sintomas, alguma comorbidade, estar grávida ou ser profissional da saúde.