Notícias

Tiger Woods sofre acidente de carro nos EUA e passa por cirurgia

Da Redação, com BandNews TV e Brasil Urgente 23/02/2021 • 17:26 - Atualizado em 24/02/2021 • 00:13

O golfista Tiger Woods foi hospitalizado após sofrer um grave acidente de carro em Los Angeles, nos Estados Unidos, nesta terça-feira (23). As informações são da BandNews TV e do correspondente do Grupo Bandeirantes nos Estados Unidos, Eduardo Barão.

De acordo com as autoridades, o carro sofreu um capotamento e as equipes “fizeram grande esforço para retirá-lo” das ferragens, com o uso de equipamentos especializados. Mark Steinberg, agente de Woods, disse ao site americano TMZ que o atleta de 45 anos teve graves e “múltiplos ferimentos nas pernas” e está passando por cirurgia. Ele está internado em um hospital universitário da Califórnia e seu estado de saúde é grave, mas ele não corre risco de morte.

O acidente aconteceu às 7h12 no horário local (14h12 em Brasília), com o capotamento de sua SUV em uma via. Segundo o xerife Carlos González em coletiva, Tiger Woods “tem sorte de estar vivo” após um acidente daquela gravidade, confirmando que o atleta usava o cinto de segurança.

O golfista foi confirmado como o único ocupante do carro e foi resgatado consciente, apesar dos ferimentos graves, sendo retirado pela parte da frente do veículo. Ainda não está claro o que causou o acidente, mas as autoridades disseram que Woods não parecia sob a influência de álcool ou outra substância entorpecente.

Woods tem dois incidentes anteriores envolvendo direção: em 2009, quando bateu o carro contra uma árvore perto de sua casa, na Flórida, por estar alcoolizado. Já em 2017, ele foi encontrado desmaiado sobre o volante de seu carro durante uma abordagem policial e acabou preso - ele alegou que o efeito foi causado por um medicamento.

Tiger Woods no golfe

Um dos ícones da história do golfe, Eldrick Tont “Tiger” Woods estava na Califórnia para o seu torneio anual de golfe. Em sua carreira, ele contabiliza 15 títulos de "Majors" (os mais prestigiados da modalidade), sendo o segundo maior campeão da história.

Com um crônico problemas nas costas, ele havia passado pela quinta cirurgia recentemente, em janeiro. Ele buscava uma vaga nas Olimpíadas de Tóquio - Woods foi ausência na volta da modalidade no programa olímpica, no Rio-2016, por conta de lesão no local.

Sua carreira também foi marcada por um escândalo sexual que culminou com seu divórcio de Elin Nordegren, em 2010. O caso fez com que perdesse diversos patrocínios milionários. Os problemas pessoais e as lesões o afastaram por longo tempo do golfe, e ele ficou por 11 anos sem um título de Major, até o título do aberto dos EUA, em 2019.

  • tiger woods
  • los angeles
  • acidente
  • golfe